Quarta-feira, 28 de Outubro de 2020, 00:29   |   37 Usuários OnLine   |   Fale Conosco
Construção Shopping Presentes para Namorada
 
 

Almofadas, Ursinhos e Bichinhos de Pelúcia
Voc esta em: Construo Shopping » Prefeitura de São Paulo Testa Pavimentos Permeáveis em Regiões de Enchentes


Prefeitura de São Paulo Testa Pavimentos Permeáveis em Regiões de Enchentes

A Siurb (Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana) de São Paulo está testando dois tipos de pavimentos permeáveis para serem aplicados em pontos crônicos de enchente. Os materiais foram desenvolvidos na FCTH (Fundação Centro Tecnológico de Hidráulica) e estão sendo avaliados na USP (Universidade de São Paulo).

Segundo a assessoria de imprensa da secretaria, a ideia é avaliar de forma técnica a possibilidade de utilização do material porque, apesar de ter sido apontado como alternativa às obras convencionais de controle das enchentes, há pouca experiência nesse sentido no Brasil. No exterior, no entanto, as medidas de infiltração e de retenção de pequeno porte mostraram ter um efeito complementar no controle das enchentes, reduzindo ainda a poluição difusa.

Foram desenvolvidos dois materiais: o pavimento drenante asfáltico e o concreto intertravado drenante, este último composto por blocos de concreto poroso. A aplicação dessas soluções é semelhante à do piso asfáltico e do concreto intertravado, respectivamente, que são os produtos usualmente utilizados.

A secretaria ainda ressaltou que os dois tipos de pisos têm uma grande permeabilidade, "de modo que o fator limitante se constitui na capacidade de infiltração do próprio solo onde está assentado o piso". Por isso, em locais de solo argiloso e de baixa permeabilidade será necessário associar poços ou trincheiras de infiltração para elevar a infiltração das águas pluviais no solo.

Além dos testes da USP, o piso drenante também foi executado em um estacionamento da FCTH e será monitorado no próximo ano para implementação em outros locais.

De acordo com a secretaria, os pavimentos permeáveis custam cerca de 20% a mais que os pisos hoje utilizados. A expectativa é de que as soluções sejam aplicadas em obras da Prefeitura de São Paulo já no próximo ano, podendo ser utilizadas inicialmente em calçadas e, conforme o resultado dos experimentos, também em vias.

Fonte: Pini

Compartilhar: Salve no Delicious Comente no digg Publique no facebook Marcar no Google BookMarks Postar no MySpace Twit-this! Windows Live  

Comentrios sobre esta notcia

Esta notícia ainda não teve nenhum comentário.

Seja o primeiro, comente já!


Envie seu comentrio sobre esta notcia
Seu Nome:
Seu E-mail: (no ser publicado)
Seu Site:
Seu Comentrio: (Caracteres restantes: )

 
 
Brasil Post Móveis
B&N Projetos
Doka Bath Works
Vidraçaria Brasil
Quintal Paisagismo
TelhaNorte
 

Siga-nos no Twitter!
Links | Parcerias
Móveis para Área Externa
Banheira
Banheiras
Banheiras Contemporâneas
Banheiras Vitorianas
Banheiras para Bebês
Marketing em Medicina
Marketing para Clínicas
Agência de Publicidade em Campinas
Cirurgia Endovascular
Embolização de Miomas Transformação Digital
Lente de contato dental São Paulo
 
 
 
Novos Anúncios
Últimos Anuncios
Domos e Clarabóias Azulejos, Pisos e Revestimentos Portas e Janelas Banheiros Divisórias e Box Telhas Areia e Pedra Tijolos Cerâmica Engenharia
Top 5 Anúncios
 
ConstruçãoShopping.com.br
© 2009-2020 Direitos Reservados.
  Desenvolvido por
Argon | Otimização de Sites