Sexta-Feira, 24 de Setembro de 2021, 04:10   |   51 Usuários OnLine   |   Fale Conosco
Construção Shopping Presentes para Namorada
 
 

Almofadas, Ursinhos e Bichinhos de Pelúcia
Voc esta em: Construo Shopping » Prefeitura de Joinville quer agilizar construções


Prefeitura de Joinville quer agilizar construções

Ação pretende diminuir espera por liberação de alvará, que leva, em média, seis meses

Basta passear por qualquer bairro joinvilense para perceber que a cidade entrou de cabeça no boom da construção civil. Novos prédios de luxo, moradias do programa Minha Casa, Minha Vida e casas em construção estão tomando conta das ruas.

Agora, o desenvolvimento do setor está prestes a engatar mais uma marcha rumo à aceleração. Negociações entre o Sindicato das Indústrias da Construção Civil de Joinville (Sinduscon) e diversos órgãos da Prefeitura têm como objetivo agilizar o processo de liberação de alvará de construção, que hoje leva, em média, seis meses.

As conversas geraram uma lista de prioridades dos construtores que pode virar um decreto. Na sexta, o comitê, formado pela Fundação Municipal do Meio Ambiente (Fundema), Secretaria da Fazenda, Seinfra, Ippju, Fundação Cultural, e Cia. Águas de Joinville, apresenta ao Sinduscon um esboço do documento contendo ações que podem acelerar a liberação de alvarás de construção. Ainda não se sabe para quanto poderia cair essa demora.

— Nosso código de obras é de 1964, por isso está defasada. Uma atualização está na fila da regulamentação. Enquanto isso, sugerimos um decreto para esclarecer os procedimentos internos. Vamos regulamentar os que já existem para dar segurança jurídica para os dois lados —, diz o presidente do Ippuj, Luiz Alberto de Souza, que coordena o comitê que estuda as alterações para agilizar o processo.

De acordo com Souza, ainda não foram definidas exatamente essas mudanças, pois elas serão construídas em parceria com os órgãos envolvidos.

— Não se trata de alteração de legislação, mas de organização dos processos e a integração entre os órgãos municipais. O objetivo é evitar que algumas análises sejam feitas por mais de um setor, além de ordenar para que a documentação não precise ir e voltar para uma secretaria —, conta o presidente do Sinduscon, Luis Carlos Presente.

Após ser analisado e aprovado pelo Sinduscon, o decreto deve seguir para a procuradoria municipal. A expectativa é de que o documento possa ser assinado este ano pelo prefeito Carlito Merss e publicado em janeiro no "Diário Oficial" para entrar em vigor.

— Será bom para a iniciativa privada, porque o tempo para conseguir uma liberação de alvará irá cair e também para o município, pois a arrecadação também será mais rápida —, diz o vice-presidente do Sinduscon, Jorge luiz Correia de Sá.
Fonte: ClicRBS

Compartilhar: Salve no Delicious Comente no digg Publique no facebook Marcar no Google BookMarks Postar no MySpace Twit-this! Windows Live  

Comentrios sobre esta notcia

Esta notícia ainda não teve nenhum comentário.

Seja o primeiro, comente já!


Envie seu comentrio sobre esta notcia
Seu Nome:
Seu E-mail: (no ser publicado)
Seu Site:
Seu Comentrio: (Caracteres restantes: )

 
 
Brasil Post Móveis
B&N Projetos
Doka Bath Works
Vidraçaria Brasil
Quintal Paisagismo
TelhaNorte
 

Siga-nos no Twitter!
Links | Parcerias
Móveis para Área Externa
Banheira
Banheiras
Banheiras Contemporâneas
Banheiras Vitorianas
Banheiras para Bebês
Marketing em Medicina
Marketing para Clínicas
Agência de Publicidade em Campinas
Cirurgia Endovascular
Embolização de Miomas
Dentista em Curitiba
Lente de contato dental São Paulo
 
 
 
Novos Anúncios
Últimos Anuncios
Domos e Clarabóias Azulejos, Pisos e Revestimentos Portas e Janelas Banheiros Divisórias e Box Telhas Tijolos Areia e Pedra Cerâmica Churrasqueiras
Top 5 Anúncios
 
ConstruçãoShopping.com.br
© 2009-2021 Direitos Reservados.
  Desenvolvido por
Argon | Otimização de Sites